19 / 10 / 2017
CRM abre sindicância para apurar caso de agressão à médica

O CREMERJ abrirá sindicância para apurar o caso de forma rigorosa e reafirma que é absurda, desnecessária e descabida a agressão sofrida pela profissional, enquanto estava exercendo seu plantão em uma UPA. O conselho repudia qualquer tipo de violência e reforça que as autoridades devem garantir a segurança de médicos e demais profissionais de saúde em seus locais de trabalho, além dos próprios pacientes que estão ou aguardam atendimento nas unidades.